Em 07/01/2017
 

NPA apoia a campanha Janeiro Branco

Iniciativa estimula reflexões e discussões sobre a saúde mental


Janeiro costuma ser um mês de novos planos e recomeços. Para reforçar ainda mais esse período tão especial, a campanha Janeiro Branco tem incentivado os cuidados com a saúde mental e emocional. Segundo o site oficial, trata-se de uma campanha que busca mostrar às pessoas que elas podem se comprometer com a construção de uma vida mais feliz para si mesmas. De tal forma que "o Projeto Janeiro Branco faz do mês de Janeiro um marco temporal estratégico para que todas as pessoas reflitam, debatam e planejem ações em prol da Saúde Mental e da Felicidade em suas vidas". 

 

Outro objetivo importante do Janeiro Branco é divulgar a prática da psicologia e a importância da área para a ampliação do conceito de saúde, contemplando questões emocionais e afetivas. Assim, o conceito de saúde amplia-se, não se resumindo a temas relacionados aos transtornos mentais e ao campo das psicopatologias. O site oficial lista os cinco objetivos principais da campanha: 1 – Fazer do mês de Janeiro o marco temporal estratégico para que todas as pessoas do mundo reflitam, debatam e planejem ações em prol da Saúde Mental e da Felicidade em suas vidas ao longo de todo o ano; 2 – Chamar a atenção de todo mundo para o tema da Saúde Mental nas vidas das pessoas; 3 – Aproveitar o início de todo ano para incentivar as pessoas a pensarem a respeito das suas vidas, dos seus relacionamentos e do que andam fazendo para serem verdadeiramente felizes; 4 – Chamar a atenção das pessoas para pensarem a respeito do que precisam mudar em suas vidas para serem, realmente, felizes; 5 – Mostrar às pessoas que sempre é possível o fechamento e a abertura de novos ciclos em busca da Felicidade em suas vidas – afinal, ano novo, vida nova, mente nova!

 

Em Sergipe, a campanha conta com o apoio principal do Conselho Regional de Psicologia - Sergipe (CRP19), organizando palestras e rodas de conversa referentes à temática da iniciativa. No dia 06 de Janeiro aconteceu a palestra "Saúde mental, mitos e preconceitos: uma reflexão sobre o papel do(a) Psicólogo (a) e a importância do CAPS AD", direcionada para adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa no sistema de semiliberdade, com a participação dos Psicólogos Pedro Alves e Virgínia Klein. Nesse mesmo dia, a psicóloga Poliana Reis e a Assistente Social Sandra Almeida ministraram a palestra "Clima organizacional e qualidade de vida no trabalho". No dia 11 de Janeiro está programada a palestra "Saúde Mental e Emocional na Terceira Idade", com a participação do Psicólogo Pedro Alves. Esse evento possui como público alvo idosos do Serviço de Convivência do CRAS Madre Tereza de Calcutá. 
 
 
Já no dia 17 de Janeiro, o Grupo de Trabalho Psicologia e Trânsito reunirá peritos da saúde mental no trânsito como parte da programação para o Janeiro Branco. A roda de conversa "Adolescência e qualidade de vida: refletindo sobre as relações interpessoais no ambiente escolar" irá ocorrer no dia 18 de Janeiro, com a participação do Psicólogo Pedro Alves e da Psicóloga Hortência Maria. No mesmo dia, as Psicólogas Valdnea Lisboa e Hortência Maria irão coordenar a roda de conversa "Adolescência e qualidade de vida: refletindo sobre as relações interpessoais no ambiente escolar", tendo como público alvo alunos do Ensino Médio do Colégio Bom Pastor. A temática "Adolescência e comunidade: lidando com transformações e conflitos" será a roda de conversa do dia 26 de Janeiro, com os Psicólogos Wilton Rocha e Pedro Alves. Para conferir os respectivos locais e horários das programações, consulte este link.
 
 
Assim, o Núcleo Psicanalítico de Aracaju, como uma entidade voltada para o ensino e a pesquisa, além da divulgação do pensamento psicanalítico no estado de Sergipe, reitera a importância do Janeiro Branco, considerando fundamental o encorajamento das reflexões acerca da saúde mental no país, de forma ampla e democrática.
 
0 comentário(s) | Envie seu comentário
Envie seu comentário
Seu nome *

Seu e-mail *
Seu comentário *
Comentário(s)
 

Leia também

NPA recebe visita do psicanalista Deocleciano Alves 01/08/2017

O objetivo da visita foi a preparação para o Pré-Congresso sobre Bion em Aracaju

Lançamento do livro "O que é masculinidade?" com participação de Adalberto Goulart 12/05/2017

A obra foi publicada pela Editora Escolar.

Aviso de recesso 21/12/2016

O NPA estará em recesso entre 23/12/16 a 09/01/17

Federação Latino-Americana de Psicanálise emite comunicado sobre tratamento direcionado a Transtornos do Espectro Autista 28/11/2016

A declaração foi elaborada a partir do XXXI Congresso Latino-americano de Psicanálise

NPA participa de discussão sobre o filme “Nise – O coração da loucura” 14/11/2016

O evento ocorreu no Cine Vitória, contando com público estimado de 50 pessoas

Ana Rita Menezes contribui para matérias na imprensa 15/10/2016

Os textos foram publicados no Jornal da Cidade
Página anterior Voltar
Topo Topo
 
 
Google+